Noticias - DIP 2020: obrigado por interceder pelos cristãos ex-muçulmanos | ACOP - Igreja Apostólica de Pentecoste do Brasil






Home » Espiritual - Notícias » DIP 2020: obrigado por interceder pelos cristãos ex-muçulmanos
l
l
l

  DIP 2020: obrigado por interceder pelos cristãos ex-muçulmanos

DIP 2020: obrigado por interceder pelos cristãos ex-muçulmanos

O dia 13 de setembro motivou 10.331 igrejas brasileiras a intercederem pelos cristãos ex-muçulmanos, que enfrentam a opressão islâmica. Por isso, a Portas Abertas agradece a todos os irmãos e irmãs que participaram do Domingo da Igreja Perseguida (DIP) 2020 em todos os 27 estados brasileiros. Cremos que “A oração de um justo é poderosa e eficaz” (Tg 5.16) e, desde já, louvamos ao Senhor por tudo o que ele começou a fazer na vida dos cristãos ex-muçulmanos que vivem em um dos 50 países da Lista Mundial da Perseguição 2020.

Apesar da COVID-19 ter atingido a vida de todos e alterado muitos dos planos da humanidade, o Senhor permaneceu no controle de todas as coisas e nos impulsionou a flexibilizar a maneira de realização do DIP. Algumas igrejas conseguiram se reunir presencialmente, já outras precisaram transmitir os cultos via internet. Entretanto, a motivação de todos foi a mesma: orar pelo fortalecimento dos cristãos ex-muçulmanos.

Dilma Bragança, da Igreja Presbiteriana Memorial de Vila Velha (ES), organiza o DIP há 20 anos. Ela reconhece que é uma experiência diferente e revigorante. “O Senhor me deu a certeza de que as nossas orações aliviam o sofrimento dos irmãos. No momento em que estamos intercedendo com conhecimento da causa, estamos sendo bálsamo para as feridas deles”, testemunha.

Já Rita de Cássia de Oliveira, da Igreja Quadrangular em Mairiporã (SP), acredita que o DIP revela uma nova visão sobre a perseguição aos cristãos, que muitos não conhecem em profundidade. “A informação durante o DIP mobiliza as pessoas para orar e contribuir. A experiência de organizar um evento como esse é única, porque percebemos que estamos lançando fundamentos novos, que provocam nos irmãos desejo de fazer algo além, como orar e se interessar mais pelo corpo de Cristo”, explica.

A parceira da Portas Abertas, Suellen de Souza Bueno, já participou de várias edições do DIP e acredita que nessas ocasiões os cristãos brasileiros são tocados de maneira especial para fazer algo mais no reino de Deus. “Muitas pessoas acabam recebendo o chamado de Deus para orar e atuar em prol dos cristãos perseguidos. Também há um maior envolvimento das igrejas em missões, pois muitas não têm ideia de como atuar de forma eficaz e utilizam a estrutura do Portas Abertas para contribuírem com o ide”, completa.

O movimento de oração continua!

O DIP 2020 já aconteceu, mas ainda há tempo de orar e contribuir para o fortalecimento dos cristãos ex-muçulmanos, que perdem tudo por causa da nova fé em Jesus. Junte-se a nós e seja a resposta de oração de nossos irmãos e irmãs que vivem sob a opressão islâmica.

https://www.portasabertas.org.br/noticias/cristaos-perseguidos/dip-2020-obrigado-por-interceder-pelos-cristaos-ex-muculmanos




Voltar